27 de maio de 2024

Turista canadense morre nas cataratas do Iguaçu

Cerca de 24 horas depois de ter desaparecido no lado argentino das cataratas do Iguaçu, o corpo de um turista canadense de aproximadamente 60 anos foi encontrado pelas autoridades na terça-feira (18). Ele foi localizado na parte brasileira da queda-d’água, em Foz do Iguaçu (PR). Já o sumiço se deu na região do mirante de Salto Bossetti, localizado no estado de Misiones, no país vizinho.

Segundo informações do jornal argentino Clarín, a prefeitura local e a empresa que realiza os passeios turísticos no parque fizeram uma busca geral no rio e na cidade de Puerto Iguazú até encontrá-lo. A polícia ainda investiga se foi um acidente ou um suicídio.

Marcelo Gione, diretor municipal da Entidade de Turismo do Iguaçu, confirmou ao veículo argentino Cadena 3 que o corpo encontrado é do homem desaparecido. “Ontem [terça-feira, 18] soubemos por fotos e vídeos que nos enviaram que o corpo pertence à pessoa que se jogou. É um fato lamentável. Está agora nas mãos da Justiça investigar em que circunstâncias aquela pessoa caiu na água”, disse.

A polícia trabalha com relatos de pessoas que viram o turista subir no parapeito da varanda nas cataratas de Bosetti para tirar uma foto — um grupo realizava um passeio no local, mas o canadense não estava junto dele. Nenhum dos integrantes prestou depoimento até então.

As autoridades também analisam imagens de câmeras de segurança na área de acesso ao parque.

Uma foto do homem no suposto momento em que ele caiu no rio e foi empurrado pela correnteza circulou nas redes sociais. O local tem um fluxo de água bastante intenso, e seria quase impossível escapar em caso de queda. Mas, segundo o Clarín, ainda não foi possível confirmar a veracidade da imagem.

Fonte: D24am

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Descubra mais sobre AM 24h

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading